10 Dicas Fáceis Para Controlar o Edema na Gravidez

Muitas mulheres têm inchaço nos pés e tornozelos durante a gestação. A mulher pode notar o edema aproximadamente no quinto mês da gravidez, mas fica mais visível a partir do último trimestre.

O edema é comum para mulheres gestantes, pois o corpo feminino retém mais água para o período de gestação. Além disso, o útero em expansão pressiona as veias das coxas e pernas, o que prejudica a circulação.


A circulação de sangue diminuída logo faz com que o fluído se acumule nas extremidades inferiores.

Inchaços leves são normais durante a gravidez se não houver proteinúria nem alta pressão no sangue. Se você notar que tem inchaços no rosto ou nas mãos, e também ao redor dos olhos, procure o seu médico imediatamente. Eles podem ser sinais e sintomas de pré-eclâmpsia, e você deve ser devidamente cuidada para prevenir quaisquer complicações.

As mulheres também devem ficar atentas à outros sintomas de pré-eclâmpsia, como fortes dores de cabeças, tonteira e visão embaçada.

Algumas mulheres podem notar que o edema fica pior em alguns dias. Algumas mudanças como ficar em pé por muito tempo, clima quente e comidas com alto índice de sódio e cafeína podem piorar o edema durante a gravidez.

Para reduzir esse problema, aqui vão algumas orientações importantes:

  1. Evite ficar em pé por muito tempo, já que isso só causa o acúmulo de sangue nas extremidades inferiores. Se seu trabalho requer que você fique levantada por um longo período de tempo, tente dar intervalos durante o dia. Sente e eleve as pernas por 30 minutos pelo menos duas vezes ao dia, para estimular a circulação.
  2. Durma do lado esquerdo, pois assim a taxa de filtração glomerular no rim é aumentada, minimizando o edema.
  3. Evite usar roupas apertadas pois elas apenas impedem a circulação.
  4. Tente evitar sair de casa quando estiver muito calor. O inchaço pode piorar em temperaturas quentes.
  5. Fique longe de comidas que não são saudáveis ou refeições que contenham muito sal, pois isso pode aumentar a retenção de água. Se possível, tente consumir menos sódio.
  6. Não cruze as pernas quando sentar, pois isso pode influenciar na circulação das extremidades inferiores. Tente elevar e apoiar os pés quando sentar. Se precisar ficar sentada por um longo tempo, tente fazer pausas para caminhar para estimular o fluxo.
  7. Beba muita água. Isso ajuda a limpar o corpo e diminuir o inchaço.
  8. Coloque gelo nas áreas inchadas. Isso pode dar alívio e reduzir o edema.
  9. Tente se exercitar regularmente para estimular o fluxo do sangue. A natação pode te beneficiar significativamente nessas horas, pois a flutuabilidade da água pode elevar o peso do corpo da criança da sua pélvis.
  10. Evite alimentos e bebidas com cafeína. A cafeína é um diurético e, se você não estiver tomando líquido suficiente, seu corpo pode compensar retendo mais água.

Apesar de o edema suave poder ocorrer durante a gravidez, as mulheres podem ter certeza que ele deve ir embora logo após darem a luz. As mudanças podem não deixá-las muito felizes, mas é apenas um pequeno desconforto se comparado à alegria que a gravidez traz.

Conheça As Vantagens De Ter Um Book De Bebê Do Seu Filho

0021-Isabela-Book_bebê_recém-nascidoTer um bebê pode ser um passo decisivo para muitas pessoas. Para elas, ter um bebê recém-nascido é uma das coisas mais significativas em suas vidas. Quando você se torna uma mãe ou pai, a sua vida acaba preenchida com todas as muitas coisas que são necessárias para tomar conta do neném.

Anos depois, no entanto, você vai querer se lembrar de todas as coisas que aconteceram. Isso pode ser muito difícil de fazer sem uma ajudinha, por mais que seja chato ouvir isso. Essa é uma das grandes razões do porque um book de bebê recém-nascido é tão importante.

Fotos de seu filho vão permitir que você viage no tempo para momentos diferentes da vida para trazer de volta memórias muito queridas, e também permitem que você tenha uma coisa tangível para compartilhar com sua família e amigos que também gostam de ver a criança crescer.

Você pode querer que tudo continue a mesma coisa depois que tiver seu filho, mas como todos sabem, o seu bebê vai crescer muito rápido. Todos os recém-nascidos vão ter mudanças incrivelmente aparentes já nas primeiras semanas de nascença. Isso deixa um período muito curto para capturar imagens do seu precioso bebê recém-nascido!

Você pode fazer o que for para fixar essas memórias na sua cabeça sozinha, mas para falar a verdade, graças ao dia atarefado por causa do neném, as memórias vão começar a se esvair e sumir rapidamente. Existem profissionais em todas as cidades do Brasil. Se você mora no rio, por exemplo, eu recomendo a Fernanda Monge. Contratar um fotógrafo para book de bebê recém-nascido no Rio de Janeiro pode ajudar você a lembrar até mesmo esse tempinho tão curto da vida do seu neném.

Ter seu bebê fotografado também é uma ótima maneira de compartilhar momentos da vida do seu bebê com outras pessoas queridas. Com a tecnologia e as redes sociais de hoje, é cada vez mais fácil compartilhar fotos com o mundo.

A sua família e amigos vão querer soluções para se manter em contato e se sentirem como se fizessem parte do que está acontecendo. Compartilhar as fotos do seu bebê online vai permitir exatamente isso. Mesmo que você tenha parentes que vivem muito distante, você ainda pode mandar as fotos da sua família para que eles possam ficar atualizados no que está acontecendo em sua vida. Você geralmente vai mandar imagens digitais ou impressões físicas.

Ter um bebê é um momento extremamente importante e precioso na vida de muitas pessoas. Ter um registro dos momentos que logo vão se acabar é um jeito excelente de experimentar novamente esses momentos quando você e outros quiserem ver o passado com facilidade. Essa é a razão da fotografia de bebê ser essencial. Bebês mudam bastante e através do registro de suas vidas através da fotografia, você pode se ajudar a lembrar desses momentos, compartilhados com entes queridos além de proporcionar ao seu filho já crescido as imagens de sua infância mais inicial. Você definitivamente precisa contratar a ajuda de um fotógrafo de bebê se manter um registro da vida do seu filho significa muito para você. O tempo está correndo.

 

O Bebê E Seu Bicho De Estimação – Parte 2

Acredite ou não, o modo como você trata o seu cão e age perto dele importa muito. Isso pode criar ou destruir a aceitação e respeito que seu cão vai ter pelo seu bebê.

Se você agir como um líder, você vai ser tratado como um líder. Você quer que seu cão respeite cada ser humano em sua casa, incluindo o seu bebê. Você precisa ensinar ao seu cão o respeito pelo bebê. Isso vai facilitar a vida de todos os envolvidos.

Cachorro ObedienteSeja Firme, Mas Justo

Não deixe o seu cão fugir com as coisas, mas não seja um sargento também! Tente fazer as correções o mais delicadamente possível, mas certifique-se que elas são eficazes. Tente se divertir com seu cão e o treinamento – vocês dois precisam se divertir ou ninguém vai querer continuar!

Seu Tom De Voz Importa

NÃO GRITE com seu cão! Transmita o significado do comando através do tom de voz – faça uma correlação com a sua voz e o que você está dizendo ao seu cão.

Os comandos devem ser curtos e sucintos, com uma voz grave e quase gutural. A sua voz não deve ficar mais aguda conforme você dá o comando. Não cante para o seu cão ou faça perguntas! Você não terá a resposta que quer!

Quando elogiar, elogie com vontade! O elogio deve ser o oposto do commando – agudo e entusiástico.

Se o seu cão ficar muito animado quando você elogiá-lo, diminua um pouco a ênfase e fale mais suavemente. Seu cão ainda vai entender que ele está fazendo um bom trabalho, mas ele vai ser menos propenso a pular feito um louco.

Seja Calmo E Assertativo

Nossos cães se alimentam das nossas energias e emoções. Isso afeta seus comportamentos e reações. Se formos relaxados e confiantes, nossos cães vão sentir o mesmo, e saber que estamos LIDERANDO-OS, e eles não precisam nos liderar.

Use Uma Gaiola

Cachorro PresoSe o seu cão já não está acostumado com uma gaiola, agora é a hora de aprender. A gaiola não é cruel, ela pode acabar sendo um lugar maravilhoso e seguro para o seu cão. Limitar seu cão em determinados momentos, como para dormir ou momentos em que você não pode ficar de olho, não é diferente de colocar o bebê no berço para a mesma coisa.

É muito fácil ensinar seu cão a aceitar a gaiola. A maioria das pessoas pensa que se um cão nunca foi preso em  uma caixa, então ele vai ter dificuldade de se acostumar, mas isso normalmente não é verdade.

Meus dois cães mais velhos começaram a utilizar a gaiola quando tinham 7 e 8 anos de idade, na época em que o meu filho começou a engatinhar e explorar por conta própria. Isso me permitiu saber que tanto o meu filho e os meus cães estavam a salvo e nada de ruim poderia acontecer.

Seu filho pode ser ferido por seu cão tão fácil como o seu filho poderia prejudicar o seu cão. O problema reside no fato de que, se o cão fizer a menor ameaça ao seu bebê ou mesmo inadvertidamente ferir o seu bebê, a culpa é sempre do seu cachorro. Não é justo para o cão que isso aconteça só porque você não estava supervisionando os dois juntos em todos os momentos!

Elimine Maus Modos

Shhhhh

Tolerância zero para falta de educação, já que ela pode ser perigosa tanto para o bebê quanto para a mãe. Saltar e beliscar são comportamentos que precisam ser interrompidos imediatamente. Roubos e brincadeiras brutas também precisam ser cortadas pela raiz imediatamente.

Ensine seu cão a ser calmo e gentil, elogiando e tratando esse comportamento. Inserir comandos na vida cotidiana e nas brincadeiras faz com que ouvir seja fácil e normal para seu cão e é menos provável que ele fique fora de controle.

Também é bom para você, porque assim você vai ter certeza de que está treinando seu cão todos os dias, fazendo com que seja o líder – e não o seguidor.

Exercício É Fundamental Para O Bom Comportamento

Cachorro CorrendoComo eu disse no início do guia, o exercício é fundamental para o seu cão. Isso garante que o seu cão vai se comportar melhor, porque ele não vai ter a energia para se comportar mal!

Caminhadas regulares são importantes. Se você não tem tempo para caminhar por quilômetros, usando uma mochila de cachorro pode fazer uma curta caminhada parecer uma kilômetros para o seu cachorrinho.

Uma mochila dessas imediatamente coloca o seu cão em modo de trabalho, o que vai ajudar a cansar o cérebro dele. Equilibrar uniformemente um pouco de peso de cada lado, como garrafas de água, vai aumentar ainda mais a quantidade de energia física gasta pelo seu cão.

Ensinar o seu cachorro a andar bem próximo do carrinho de criança também é importante. É muito difícil e perigoso ter um cão te puxando e fora de controle enquanto você tenta manobrar um carrinho.

Se você planeja usar uma cestinha, sling ou mochilinha, seu cão precisa se comportar na coleira e caminhar com você, e não puxá-lo. É uma boa idéia práticar com o equipamento antes do bebê nascer (usae um boneco no lugar do bebê), de modo que você possa resolver todas os problemas que podem aparecer.

Tenha sessões regulares de obediência com seu cão para que ele não se esqueça de seus comandos e lembre que tem de ouvir em todos os momentos. Isso também ajuda a cansar seu cérebro! Tente trabalhar os comandos na vida cotidiana para que se torne instintivo para ele.

O Seu Cão Pode Subir Nos Móveis?

cão em cima do sofáSe o seu cão tem permissão de subir nos móveis então talvez você queira reconsiderar isso, já que seu bebê provavelmente estará na mobilia na maior parte do tempo.

Pêlo de cachorro e sujeira podem irritar seu bebê. Você também não quer ter que ficar atrás do seu cachorro com vassoura e desinfetante. Seu cão também pode inadvertidamente ferir o bebê pulando sobre os móveis ou se mexendo perto dele. É melhor restringir o acesso dele ao mobiliário, para que não ocorram problemas.

Tempinho Do Cachorro

Certifique-se de dar um tempinho para o seu cão longe do bebê para apartar qualquer problema. Esse tempinho é uma ferramenta eficaz para permitir que seu cão manter a sanidade dele e também para quando eles estão fazendo algo errado.

Cachorros Adoram Lei E Ordem


É hora de reajustar o cronograma do cão para familiarizá-lo com as próximas mudanças. Penser de forma realista sobre o tempo que você terá para o cão para coisas tais como caminhadas, alimentação, fazer necessidades na rua, brincadeiras e atenção.

Tente manter a programação consistente para o seu cão para que ele não sinta estresse desnecessário a partir das mudanças que estão ocorrendo antes do seu bebê chegar.

Tendo o mínimo de interrupções possível vai ajudar a alcançar esse objetivo. Uma vez que o seu cão se sinta seguro e está habituado com a nova rotina, tente começar a ter pequenas variações no seu dia-a-dia.

Quando o bebê chega, as coisas nem sempre saem como planejado. Você pode ter toda a intenção de permanecer no cronograma e, inevitavelmente, alguma coisa vai mudar essa programação! Os bebês não seguem horários!

Mesmo assim, tente ficar dentro do cronograma, tanto quando possível, de modo que o seu cão tenha a impressão de alguma forma de rotina. Cães sentem segurança quando as regras e rotinas se mantém constantes.

Preste Menos AtenCÃO

Cão presenteAgora é hora de ensinar ao seu cão a esperar menos atenção de uma vez só.

Depois que o bebê chegar, você não terá a mesma quantidade de tempo para gastar com seu cão, mas ainda é essencial dar um tempinho para ele!

Agende sessões regulares de 5 a 10 minutos por dia, onde você prestará total atenção ao seu cão. Você pode fazer coisas tais como play, higiene, carinho ou apenas falar com seu cão. Isso permite que ele entenda que ainda é uma parte importante de sua vida.

Você precisa ensinar ao cão que este tempo pode ser com ou sem o bebê. Este é também um bom momento para você relaxar e descontrair já que animais de estimação são muito terapêuticos.

Esteja ciente de que se você tiver mais de um animal de estimação, cada um deverá ter uma atenção individual, se possível. Você também deve dar ao atenção ao grupo, ao mesmo tempo, desde que se dêem bem, ou permitir que eles brinquem juntos para queimar energia.

Seu Cão Precisa Ter Calma E Equilíbrio

cachorro equilibradoVocê precisa ter certeza de que seu cão é calmo e equilibrado antes do seu bebê entrar em casa.

É muito importante para o seu cão aprender a ter calma para que ele não machuque você ou o bebê. Seu cão precisa ser equilibrado para que ele não se estresse desnecessariamente e aja de maneira  inadequada.

Se o seu cão não é calmo e equilibrado, existem maneiras de ajudá-lo a alcançar este objetivo. Treino e exercício são bons pontos de partida para desenvolver um cão calmo e equilibrado.

Se isso não funcior, seu cão pode ter algo errado como um problema mental ou físico. Consulte o seu veterinário e comportamentalista canino local ou treinador. Eles devem ser capazes de dirigi-lo na direção certa.

Eles podem ajudá-lo sobre o caminho que deve tomar, seja a modificação de comportamento, medicação, ou tratamento holístico.

O Bebê E Seu Bicho De Estimação – Parte 1

cachorro filhoteSe você é como a maioria da população, o seu amigo de quatro patas é o seu primeiro “bebê”. Muita gente se preocupa desnecessariamente com a forma como seu cão vai lidar com um recém nascido.

Muitos proprietários pensam até em se livrar dos animais de estimação da família por causa de temores de que eles vão prejudicar o bebê.

Por favor, não faça isso, a menos que não haja outra opção.

A maioria dos cães, quando tratados e treinados corretamente, podem lidar com a vida de um recém-nascido muito bem.

Crianças E Animais De Estimação


Crianças e animais de estimação formam companheiros maravilhosos quando criados juntos da maneira certa e ensinados a se comportarem bem uns com os outros. Crianças que crescem em uma casa com animais de estimação aprendem respeito e amor pelos animais e, mais importante, o respeito pela vida.

À medida que os filhos crescem eles podem aprender a ter responsabilidade, ajudando a cuidar dos animais. Animais enriquecem a nossa vida e de nossos filhos muito além do que se pensa.

Ter um bebê em casa pode causar problemas tanto para seres humanos quanto para os cães, pois o cachorro tende a ser tratado de forma diferente e, por isso, pode acabar se comportando de modo diferente.

Seu Filho Mais Velho É Seu Cachorro?!

Filho mais velho é o cachorroAlguns donos paparicam demais o cão, fazendo com que ele se torne mimado e difícil de lidar. Outros donos se irritam além da conta e punem o cão por coisas normais, como uma curiosidade com relação ao bebê.

Muitas vezes, nossos animais de estimação são o centro do nosso mundo, os nossos “bebês” por assim dizer, e podem ficar com “ciúmes” se não forem preparados para lidar com a perda desse status para o novo bebê.

Se você estiver disposto a investir o tempo e o esforço para preparar seu animal de estimação para a nova chegada, todos podem viver em harmonia.

Super ProteCÃO…

Às vezes, os cães tornam-se superprotetores do bebê. Muitos proprietários não só gostam como até preferem que o cão seja um guardião para o bebê.

Embora seja normal para o cão se tornar protetor do bebê, é perigoso para o cão se tornar superprotetor e não deixar ninguém chegar perto do bebê.

Todos os cenários acima podem acabar com o cão sendo expulso de casa!

Preparando A Casa E Os Ânimos Para O Recém Nascido

BabyDa mesma maneira que você está preparando a sua casa para a chegada do neném, você precisa preparar o(s) seu(s) cão (s) para a mesma coisa se possível com antecedência.

Enquanto a maioria dos cães vai ser muito gentil com o bebê, muitos cães não vêem os bebês como humanos por causa de seu tamanho, do cheiro, e dos barulhos estranhos que fazem.

Ao investir um pouco do seu tempo dando ao seu cão um pouco de amor e atenção, ele deve ficar bem e não se voltar para o mau comportamento para chamar a sua atenção.

Você deve se preparar e educar o seu cão para o que vem pela frente, isso irá garantir que eles estejam prontos e dispostos a aceitar o novo membro da família com as patas abertas e amorosas.

Chame O Doutor!

Veterinária com CachorroUsar remédios calmantes (ervas, aromaterapia, óleos) e/ou medicamentos com receita também pode ser uma opção para ajudar a manter um cão bem comportado.

Você pode falar com o seu veterinário para saber mais sobre estes produtos e as implicações associadas à sua utilização.

Eu sou um apoiador da abordagem holística, sempre que possível, em vez do uso de drogas.

Um Último Apelo!

Por favor, por favor, sempre estar ciente de que seu cão é um animal e os animais podem morder ou fazer mal a um bebê, intencionalmente ou não.

Não importa o quão bem-comportado ou amoroso seu cão está, NUNCA DEIXE SEU CÃO SOZINHO COM O SEU BEBÊ!

Eu não tenho como enfatizar isso o bastante!

Acidentes podem acontecer. Você não quer prejudicar o seu bebê ou ter que se livrar de seu cão por causa de um infeliz e, possivelmente, evitável ​​incidente.

Se você não tem certeza de que seu cão vai aceitar o seu novo bebê, por favor, procure o conselho de um instrutor profissional ou treinador antes de tomar qualquer decisão.